Arquivo de março/2016

Desde que passei a trabalhar no computador na varanda do meu quarto alergia respiratória dos infernos comecei a me interessar mais por esse espaço, que muitas vezes acaba sendo inutilizado.  Dando uma olhada no pinterest me animei pra decorar um pouco o ambiente por aqui e pesquisei varandas de todos os tamanhos pra inspirar vocês também.

 

As plantas dão vida ao ambiente, especialmente aos apartamentos. Caso a varanda seja pequena um jardim vertical é a melhor opção já que quase não ocupa espaço útil. No meu caso pretendo comprar plantas que não me deem trabalho como cactos e suculentas.

 

Luzes diferentes sempre deixam o ambiente mais charmoso, especialmente nas varandas que podem ficar mais românticas ou descontraídas.

Cadeiras, bancos, puffs e almofadas fazem da varanda um lugar aconchegante, ótimo para curtir um fim de tarde com livro ou com os amigos.

A madeira passa sensação de conforto, por isso muitas varandas possuem detalhes nesse material. Gosto muito do deck de madeira, quase parece um jardim com as plantas em cima. As almofadas jogadas deixaram o ambiente ainda mais aconchegante. Também gosto dos móveis em madeira e do painel, deixam o ambiente aconchegante mas decontraído.

Também é possível fazer da sua varanda um escritório! Pra quem gosta de trabalhar ao ar livre como eu essa é uma ótima ideia. O suporte para notebook é uma ideia bem legal que ocupa pouco espaço.

Mesas pequenas são ideais para espaços pequenos, especialmente as mais altas como a da primeira foto, quase não ocupam espaço. Também vemos o jardim vertical, dando mais graça ao ambiente sem roubar espaço. Já na outra foto a iluminação faz toda a diferença.

Outra opção é fazer bancos com almofadas jogadas caso o espaço seja pequeno, é bem diferente e legal para bater papo com os amigos. Teria ainda feito os bancos de gavetas parar otimizar o espaço. Também é possível ter uma mini churrasqueira, de preferência embutida, para ocupar ainda menos espaço como na segunda foto.

E vocês, tem varanda? Como a decoram?

 

Fonte 1 | Fonte 2.

Compartilhe no Facebook

Post escrito por

Beatriz (Bia) Martins. Gosto mais de maquiagem, filmes e seriados do que de algumas pessoas. Tenho alma de gordinha, mas gosto de alimentação saudável. Compartilho aqui isso e um pouco mais.

No vídeo de hoje conto tudo sobre os novos batons líquidos da MAC e testo com vocês as duas cores que comprei.

Espero que gostem! :)

Compartilhe no Facebook

Post escrito por

Beatriz (Bia) Martins. Gosto mais de maquiagem, filmes e seriados do que de algumas pessoas. Tenho alma de gordinha, mas gosto de alimentação saudável. Compartilho aqui isso e um pouco mais.

Kelly Lahar é uma americana de New Hampshire formada em design gráfico que trabalha com retratos super realistas e criativos de animais,  pessoas e veículos mas seu foco é no retrado de animais. Seus principais instrumentos de trabalho são comuns de desenhistas, grafite e lápis de cor. Apesar disso seu trabalho foge do comum, podendo ser confundido muitas vezes com fotografias.

 

 

 

 

 

 

Seu cachorro e o desenho dele em tamanho real.

Ela também desenha personagens de filmes animados, todos de forma realista.

Para conhecer melhor seu trabalho acesse seu site aqui e a siga no instagram @kellylahar. Seu trabalho tem sido tão reconhecido que sua agenda está cheia até 2017!

Lindo o trabalho, né?

Compartilhe no Facebook

Post escrito por

Beatriz (Bia) Martins. Gosto mais de maquiagem, filmes e seriados do que de algumas pessoas. Tenho alma de gordinha, mas gosto de alimentação saudável. Compartilho aqui isso e um pouco mais.

Na minha última consulta a dermatologista ela me sugeriu que usasse um protetor solar com cor no dia a dia. Dentre os que ela mencionou quis experimentar o da ROC, que ainda não conhecia, já que o protetor solar sem cor da marca é meu preferido. Pude experimentar lá no escritório mesmo e resolvi comprar.

O que ele promete

O Minesol Actif Unify Tinted Mousse Medium Fps30 da Roc é um protetor solar com cor e vitamina C: ampla proteção contra os raios UVA/UVB e contra luz visível que, além de proteger, auxilia na prevenção de manchas (cobre imediatamente as já existentes e age na pele) e uniformização do tom da pele. Proteção diária com cor para a sua pele!

Sua exclusiva fórmula possui:
• Ativos que clareiam e uniformizam o tom da pele;
• Textura mousse de alta cobertura e efeito maquiagem;
• Ampla proteção comprovada contra luz visível;
• Fórmula sem ativos que obstruem os poros, deixando a pele respirar.
• Toque Seco.

O que achei

O produto vem numa bisnaga de 40g, o que achei pouco, o protetor solar normal vem com 50g. A embalagem é prática, como parece uma pasta de dente é daquelas que dá pra usar realmente todo o conteúdo. A tampa é de rosca, confesso que prefiro a do protetor sem cor, que é colada na embalagem.

A textura do protetor é de mousse, praticamente igual a textura do Effaclar BBlur da La Roche Posay, ambos parecem “escorregadios”, lembrando um primer. Ao passar no rosto a sensação é bem diferente, enquanto o Effaclar continua com a sensação de escorregadio, molhado, o Actif Unify seca no rosto completamente.

O problema da textura em mousse e o fato de secar é que caso sua pele esteja seca em algum ponto ele vai ressaltar e não vai aderir bem, assim como acontece com qualquer base assim. Falei desse problema aqui na resenha da Natura.

Dá pra ver de perto como ele ressalta minha pele ressecada.

A cobertura me surprendeu, esperava algo leve como a do Effaclar mas ela é média e pode chegar a alta. Não vejo necessidade de passar um corretivo nas espinhas quando o uso e embaixo dos olhos uso um corretivo bem leve. Além disso a durabilidade é ótima, depois de umas 4 horas vejo poucas falhas ao redor do nariz.

Apesar do protetor ficar matte preciso finalizar com um pó porque ele transfere bastante. Se não fosse por isso eu, que tenho a pele oleosa, usaria sem pó. Gosto muito do efeito dele na pele. Um outro problema que tive no começo foi deixar a aplicação uniforme. Não gostei dele com pincel, parece não espalhar direito. Prefiro usar com esponja ou com os dedos.

Além do FPS 30 vem com 5% de vitamina C pura, que ajuda a clarear as manchas da pele. Uso uma vitamina C por fora mas fico muito feliz de ver um produto assim com vitamina C, é o primeiro protetor solar com vitamina C que conheço.

O protetor é disponível em 3 cores, light, medium e deep. A minha é a light, uma cor clara amarelada, um pouco mais escura que meu rosto mas ficou ok com a cor do meu corpo. Espero que invistam em mais cores no futuro. O preço sugerido é de R$ 79,90, o que acho um pouco caro mas é praticamente o preço do protetor solar sem cor.

Já testaram? Comprei o meu em uma farmácia.

Compartilhe no Facebook

Post escrito por

Beatriz (Bia) Martins. Gosto mais de maquiagem, filmes e seriados do que de algumas pessoas. Tenho alma de gordinha, mas gosto de alimentação saudável. Compartilho aqui isso e um pouco mais.

Desde o ano passado os chokers, esses colares justos no pescoço, voltaram com força. Agora em 2016 a tendência continua mas em modelos diversos. Quando novinha usei muito o tattoo chocker e hoje não me arrisco mais com ele, no entanto tenho visto vários modelos legais que entraram na minha lista de desejo. Se gostar de algum é só clicar no número embaixo da imagem.

Onde encontrar:

 

1.    2.   3.   4.   5.    6.    7.    8.

 

1.   2.  3.  4.

Gosto de todos os tipos, desde os mais simples até os mais arrumadinhos.  O de couro como o da primeira foto da segunda imagem está em alta e é bem fácil de fazer. Também acho legal usar o choker compondo com outros colares mais longos.

E vocês, gostam?

Compartilhe no Facebook

Post escrito por

Beatriz (Bia) Martins. Gosto mais de maquiagem, filmes e seriados do que de algumas pessoas. Tenho alma de gordinha, mas gosto de alimentação saudável. Compartilho aqui isso e um pouco mais.

Love é uma das novas séries do Netflix. Um dos seus criadores é o Judd Apatow, famoso por produzir Girls e filmes como O virgem de 40 anos e Ligeiramente Grávidos. A série possui dois personagens principais, Gus (Paul Rust que também é um dos criadores da série) e Mickey (Gilian Jacobs).

A série é uma comédia romântica meio indie, bem diferente do que costumamos ver por aí apesar dos rótulos dados aos personagens inicialmente. Gus é um nerd, o cara bonzinho, que leva um fora da namorada que o chama de “falso cara bonzinho”. Mickey é mais descolada, bonita, sem papas na língua.

No fim do primeiro episódio os dois se conhecem de um jeito não muito convencional e acabam passando o dia juntos. A partir daí viram amigos e passamos a acompanhar como cada um é, além dos rótulos. Seus problemas, trabalhos e relacionamentos. O programa fala muito sobre relacionamentos e intimidade de uma forma aberta, o que é bem legal e diferente.

Em alguns momentos você sente raiva e em outros vergonha pelos personagens mas acaba torcendo para os dois ficarem juntos. Como a série é bem aberta sobre alguns assuntos e tem cenas de sexo a classificação é de 18 anos mas achei um pouco demais, não é uma série pesada. Ao todo são 10 episódios de 30 minutos, achei tão fácil e gostoso de ver que terminei em 2 dias.

Já assistiram? Tem aqui no Netflix.

Compartilhe no Facebook

Post escrito por

Beatriz (Bia) Martins. Gosto mais de maquiagem, filmes e seriados do que de algumas pessoas. Tenho alma de gordinha, mas gosto de alimentação saudável. Compartilho aqui isso e um pouco mais.